30/04/2015

Memórias de Michael Jackson por Siedah Garrett


Michael uma vez apareceu para o ensaio vestindo um par de meias incompatíveis. Quando lhe perguntei sobre isso, ele explicou que ele se vestiu com pressa. No dia seguinte, no ensaio, ele fez questão de me mostrar as suas meias. Entusiasticamente apontando para seus pés, ele disse: "Olha, Sid". Olhei para baixo respondendo: "Sim, Michael, eles combinam entre si, mas elas não combinam com nada mais que você tem!"

Michael tinha um senso de humor infantil. Enquanto estávamos no estúdio a gravar o nosso dueto "I Just Can't Stop Loving You", ele começou a jogar pipoca na minha cara, num esforço para me levar a fazer asneira. O produtor Quincy Jones, não vendo isso, começou a castigar-me por os erros. Michael, por sua vez, simplesmente, rachava de rir!  Amo-te MJ.

Uma noite, enquanto no palco, cantando o nosso dueto "I Just Não pode Stop Loving You", eu acidentalmente cantei a parte de Michael. Então quando chegou a hora de ele cantar, ele deu-me um olhar do tipo "WTF?" (que porcaria é esta?)

Depois de Michael ter aprovado a demo da canção "Man In The Mirror", Quincy pediu-me para vir ao estúdio para gravar uma nova guia vocal em chave menor. Michael entrou e pessoalmente filmou toda a sessão. Totalmente surreal! Mas, podem imaginar que outras cenas raras estão armazenadas nos seus cofres?

Quando lhe perguntei porquê, [ele filmou] ele comentou: "porque eu amo a tua energia e a maneira como a cantas, e eu quero cantá-la assim como tu." Eu disse, "Sim, isso mesmo, Mike, os meus amigos vão mesmo acreditar em mim quando eu lhes disser que Michael Jackson disse, que ELE quer cantar como e EU."

Nós estávamos na Roménia, no "Dangerous World Tour". Em certa altura do show, toda a música parava, e todos no palco paralisavam. Uma noite, eu paralisei flexionada no quadril com o meu traseiro no ar. O que eu não sabia, é que Michael estava atrás de mim e me deu uma boa palmada no traseiro. Eu fiquei como que saltando de uma caixa surpresa! Ele sabia que eu não estava à espera disso. O olhar de susto no meu rosto era impagável, enquanto ele riu e dançou à distância. A seguir quando o vi, ele me perguntou como eu me sentia sobre isso. A minha resposta? "Por que você não usou as duas mãos?" ahahaha!



Um dia Michael estava brincando com seu animal de estimação a Python "Muscles ", e perguntou se eu queria segurá-la. Eu disse: "chile", quando eu olho para aquela cobra, tudo que vejo é bolsas e sapatos ". Michael apressou-se a tirar a cobra para longe de mim.

Eu sempre fui movida pelo facto de que Michael, apesar de toda a sua fama e sucesso, continuou a manter um espírito e comportamento humilde. Sempre que estávamos juntos no estúdio, ele sempre me fez sentir que ele poderia aprender tanto de mim como eu poderia aprender com ele.


Facebook Siedah Garrett



Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...