26/08/2015

Michael La Perruque - Michael e os fãs


-Por Michael La Perruque

Durante uma estadia em Nova York, estavam-nos a ser perseguidos por fãs, de lugar para lugar o dia inteiro. Onde quer que fossemos eles já estavam lá e logo fiquei meio frustrado com esses jovens. Então eu pensei sobre o que eu poderia fazer para ser mais fácil para nós, e surgiu um excelente plano, na minha opinião. Quando fomos para a próxima reunião, combinei com o motorista para chegar despercebido até a porta de trás do edifício. Desta forma, não teríamos que sair no meio da multidão que estava novamente à espera, e eu tinha certeza de que isso era algo com que o Sr. Jackson ficaria feliz, porque eu acreditava que ele estava também a ficar cansado de toda aquela comoção. Então, quando chegou a hora, eu levei-o furtivamente para o seu encontro, através de corredores e entradas de funcionários, para o carro que o esperava. Conseguimos escapar do prédio sem que um único fã nos visse, e eu senti-me muito bem e orgulhoso de mim mesmo. De repente o Sr.Jackson perguntou.

"Fez todos os fãs sair?", E eu orgulhosamente disse-lhe: "Não, senhor, eu trouxe-o para fora pela parte de trás do edifício para evitar a multidão" Mas ele continuou

"Mas porquê que fez isso? " e eu respondi, "Bem, eu pensei que eles estavam a incomoda-lo!"

Mas o que ele me disse, então realmente fez-me pensar

"Essas pessoas são meus fãs! Eles são os únicos que compram os meus discos, vêm aos meus concertos e eu amo-os verdadeiramente! Nunca deve jamais, nunca, nunca tentar esgueirar-se deles, porque eu aprecio os meus fãs e se isso significa que eu tenha que abrandar um pouco ou que estou a ser incomodado, está tudo bem para mim. Eles são os únicos que se preocupam comigo, compram a minha música e apoiam-me e eu não estaria aqui hoje sem os meus fãs!"


Devo confessar que não era o tipo de reacção que eu tinha em mente, quando eu fiz o meu plano para o tirar pela porta de trás. No entanto, isto foi uma espécie do meu "momento belisque-me" e eu comecei a entender o que ele quis dizer quando se fala sobre o respeito e a tolerância e que não importa o status social, nacionalidade ou que raça somos. Ele ensinou-me a aceitar e cuidar de todos os seus fãs e não só os fãs, mas todas as pessoas com quem nos deparamos pela frente. Ele queria que fossem sempre bem tratados e com respeito.

- Michael La Perruque, segurança pessoal de Michael entre 2000 a 2004 e 2007 e 2008


Fonte: Do livro “A Life for L.O.V.E.”
tschega.tumblr.com
Tradução: Espaço Michael Jackson

1 comentário:

  1. Michael La Perruque faleceu ontem, dia 30 de Agosto de 2015, vitima de cancro.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...