29/03/2014

O que os fãs significam para Michael Jackson


“Eles têm sido leais, eles são ativistas, eles lutam com você por mim.” 
-Michael Jackson sobre os fãs


Trecho de entrevista – Dieter Wiesner, que foi gerente de Michael Jackson no período de 1996 a 2003.

O que significam os fãs para Michael?

Dieter Wiesner: “ Tudo! eles eram a sua família, eles eram a sua muleta e eles deram-lhe força, mais do que qualquer outra coisa. Ele amava-os acima de todas as coisas. E ele disse isso também para os filhos o tempo todo, em qualquer lugar em que nós ficávamos nos hotéis, ele mostrava os seus fãs para ao filhos e explicava para eles, o que os fãs significavam para ele. A família não tem nenhuma ligação à base dos fãs de Michael, eles não entendem muito bem o quanto os fãs de Michael realmente significam para ele.”

Não eram os irmãos e os pais a dar o seu apoio? Principalmente nos dias de julgamento?

Dieter Wiesner: Eles estavam lá, mas a resistência e o conforto de Michael, veio claramente dos fãs, ele amava-os além das palavras. Ele respeitava os irmãos e os pais e amava-os, ele sempre cuidou do seu bem estar e para que eles não sentissem falta de nada. Mas a proximidade e amor, isso veio mais dos fãs. Sempre que ele disse que os amava e “amo-te mais” era simplesmente a verdade.

Michael e os fãs - 2005

Para os meus queridos fãs
Eu realmente sinto falta de vocês 
E amo-vos do fundo do meu coração
I love you
Michael Jackson


Eu amo todos vocês muito muito
Estou muito só sem vocês, vocês são a minha vida sempre
Por favor amem-me sempre
Queimem todos os tablóides
Love
Michael Jackson

Michael Jackson e Ben Evenstad

Quando Evenstad, se tornou o co-fundador da agência fotográfica Nacional Photo Group, ele contratou Weiss e ensinou-lhe como ser um paparazzo. Embora Weiss dissesse não estar muito interessado em celebridades, ele chegou a apreciar o trabalho, especialmente quando começou a fotografar Michael Jackson. “Desde a primeira vez que o vi pessoalmente, no Barnes & Noble, quando ele estava usando curativos no rosto, fiquei fascinado”, disse Weiss. Seu chefe, Evenstad, compartilha o fascínio: “Como um paparazzo, você passa a maior parte de seu tempo perseguindo símbolos sexuais, mas MJ foi diferente, quase como um personagem de Howard Hughes“, diz ele.

“Com as máscaras e os guarda-chuvas e o mistério, achei que Michael era muito mais interessante do que qualquer outra celebridade, e ele tem os fãs mais interessantes do que qualquer outra celebridade – este grupo, a sua maioria são mulheres que o seguem por todo o mundo. Se ele ia para a Irlanda, França, Bahrein, Neverland, eles estavam lá. As mesmas pessoas. Ninguém mais tinha o que ele tinha. Eu propus-me para documentar porquê”.


Michael e os fãs - 2009

Evenstad começou como um paparazzi em 1999 (ele também era um colecionador profissional de autógrafo na época), e trabalhava para uma agência de fotografia que questionou a quantidade de tempo que ele passou perseguindo Michael Jackson, durante um período em que as fotos do cantor não rendiam preços elevados. “Para mim, era tipo coisas de fã. Como fã, eu queria ter a sua foto. Não foi até 2003, quando os seus problemas legais ficaram ruins, essas fotos dele começaram a valer muito mais“, diz Evenstad.

Embora isso possa parecer auto-justificação, é a sério. Eu conheço Evenstad há oito anos, escrevi sobre ele para o “The New York Times Magazine, em 2001, e desde o dia que nos conhecemos, ele nomeou Jackson como sua presa preferida.

Os fãs mais devotos de Jackson reconheceram em Evenstad um companheiro entusiasta e eles desenvolveram uma relação mutuamente benéfica, trocando dicas entre si sobre as idas e vindas do cantor.

A National Photo Group, queria ser a agência de Michael Jackson, disse Evenstad. “Há sempre dinheiro para ser feito com Michael, então nós começamos a fotografa-lo todos os dias.” No outono passado, quando Jackson se mudou para o Hotel Bel-Air, em Los Angeles, Weiss Christopher e um outro fotógrafo foram designados para ser, como disse Weiss, “soldados do sentar”. Ele também fez amizade com o grupo do núcleo de fãs do cantor: a maioria formado por mulheres europeias, jovens e atraentes.

Weiss, cuja voz tem a inteligência clara e generosa de um escoteiro, lembra, "As meninas amontoam-se do lado de fora do portão do hotel, que ficava mais próximo dos aposentos de Jackson, sentandas muito calmamente para que os seguranças não pudessem encontrá-las. E às vezes Michael vinha dizer olá."


Michael na varanda do The Hempel Hotel Bayswater- Londres em13 Nov de 2006


"Uma vez ele entregou cinco cartas manuscritas que diziam coisas como:"

“Eu posso sentir a vossa energia através das paredes. Vocês me inspiram muito. Eu amo todos vocês. Obrigado por estarem lá. Obrigado por serem meus amigos. Obrigado por me amarem. Com todo o amor em meu coração, Michael Jackson.”
Eu sempre fiquei impressionado por ver o quanto ele parecia se importar com estas meninas. Quando ele abraçava uma delas, ele colocava uma mão em seu pescoço, atrás da cabeça, e a movia muito confortante como você faria com uma pessoa que conhecesse bem.


A escrita nas cartas tinham um estilo que era pessoal, profundo, florido, ornamentado. Não era simplesmente “Obrigado pessoal. Tenham uma boa noite. Espero que gostem da música.”


Duas notas que Michael escreveu para os fãs em Los Angeles num hotel onde ele estava hospedado em Novembro de 2008. “Eu realmente amo todos vocês. Estou a gravar esta noite, para todos vocês, vocês são sempre a minha verdadeira inspiração. Estou vivendo para vocês, e para as crianças“, escreveu ele em um. E “Vocês me fazem tão feliz. Eu posso sentir a vossa energia através das paredes. O céu é o limite. Consciência mais elevada sempre. Trabalhando duro, como sempre. Música, filmes, performance. I love you. Michael Jackson.“

Isto também pode soar como um exagero sentimental, mas não é. Passei uma semana com as mulheres que Weiss e Evenstad falaram, enquanto pesquisava Starstruck , um livro que eu escrevi sobre as relações entre celebridades e fãs. Nenhuma estrela foi mais generosa para os fãs (todos os membros do núcleo do grupo de fãs de Jackson que eu conheci tinham em algum momento, sido convidados para sua casa para jantar ou para assistir filmes ou sair) e nenhum grupo de fãs se tratavam uns aos outros com mais generosidade do que estas mulheres.

”Para saberem quem iria receber as cartas que Michael escreveu para o grupo”, disse Weiss, “as meninas tiravam à sorte. Elas escreviam seus nomes em pedaços de papel e os colocavam na bolsa da minha câmara, e eu ia tirando e chamando os nomes. A garota que recebia a carta ia levá-la e fazer fotocópias e distribuía-as a todas as outras.”

Michael e um de seus muitos jovens fãs do sexo feminino, em Outubro de 2008. Apesar da sua predileção por usar máscaras, ele não tinha medo de contato físico com seus admiradores.



Michael Jackson e seus fãs

6 comentários:

  1. Cada foto mais linda! Tb não é por acaso que tem o maior grupo de fans do mundo. <3

    ResponderEliminar
  2. Ele realmente se importava, não era como os "astros" de hoje que até cospem na cara dos fans.

    Lindo mesmo, nunca mais um igual.

    Saudades.

    Elisa

    ResponderEliminar
  3. Michael tem os melhores e mais dedicados fãs do mundo porque ele fez por merecer. Sempre tratou os fãs com muito carinho e respeito.
    Beijinhos meninas! ♥

    ResponderEliminar
  4. Nida e Maria concordo com vocês falaram bonito e a verdade

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso Gabriele, apenas falamos a verdade...
      Michael era um grande artista, mas acima de tudo, era um ser humano maravilhoso. ♥

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...